Especial Dia dos Namorados – Parte 2

Casais Homicidas

Olá, olá, humanos (ou não), aqui quem fala é a Bianca, e como todos sabem, hoje é uma data fofinha, cheia de amor e frufru, com muitos casaizinhos demonstrando afeto em público, sim hoje é o Dia dos Namorados, um dos dias mais cuti-cuti do ano (antes que me perguntem, sim eu tenho um namorado e sim acho muito casalzinho por aí muito chato). Mas como nem tudo são flores, veremos o lado negro do amor, as loucuras e atos insensatos causados pelo aumento da serotonina e outros químicos.

MYRA HINDLEY E IAN BRADY

Você imaginaria que essa casal fofinho matou pelo menos 5 crianças? Pois é…

Também conhecidos como The Moors Killers, mataram mais de 5 crianças e adolescentes entre a idade de 10-17 anos. Tinham também uma obsessão pelo nazismo e outras pirações. Myra foi considerada a mulher mais má da Inglaterra, e disse que tudo o que fez foi por medo de Ian. Se conheceram no trabalho e perceberam que seus demônios eram muito parecidos.

CARIL ANN FUGATE E CHARLES STARKWEATHER

Jovens, apaixonados, chamosos e loucos. Completamente descontrolados

Charles tinha 19 anos quando iniciou a matança com sua namorada Caril (de apenas 14 anos). Tinham uma relação parasitária, dependiam um do outro pra achar a felicidade e se sentirem completos. Juntos mataram a mãe, o padrasto e o irmão de dois anos de Caril Ann. Depois partiram para uma road trip em Wyoming. A contagem de corpos chega a mais de 11. Caril disse ao ser presa que não sabia dos assassinatos. Sua vida inspirou o clássico Assassinos por Natureza.

BONNIE PARKER E CLYDE BARROW

Mais clássicos impossível

Se conheceram em Janeiro de 1930, nunca mais se largaram até a morte. Clyde foi preso diversas vezes e Bonnie o ajudou a fugir. Começaram a cometer os crimes que os deixaram famosos em 1933. Eram um grupo de 5, mas os outros foram presos e alguns mortos, então Bonnie e Clyde seguiram sozinhos na matança até serem mortos em 1934.

KARLA HOMOLKA E PAUL BERNARDO 

Conhecidos como The Ken and Barbie Killers esses canadenses pareciam o casal perfeito. Ela satisfazia todos os pedidos de Paul, até os mais estranhos, inclusive atrair sua irmã mais nova para ser estuprada por Paul. Depois de Tammy (irmã de Karla), vieram outras garotas que foram mortas.

SID AND NANCY

Esses dois não mataram ninguém, a não ser a si mesmos. Símbolos do amor destrutivo e da paixão quase obsessiva, eles viviam num mundo de drogas tais como heroína e o amor que um sentia pelo outro. Nancy foi esfaqueada embaixo de uma pia (duvido que tenha sido Sid, opinião pessoal) e Sid morreu de overdose meses depois.

O amor é ou não é um sentimento adorável???

       

Anúncios

3 pensamentos sobre “Especial Dia dos Namorados – Parte 2

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s